domingo, 15 de setembro de 2013

Mitos e verdades sobre Óleo de Argan

Desde que foi apresentado ao mundo, o óleo de argan promete maravilhas aos cabelos. Esse óleo é extraído da semente de uma árvore chamada Argânia e ajuda na regeneração dos cabelos, deixando-os sedosos, macios, maleáveis, brilhosos e protegidos. Vejamos alguns mitos e verdades sobre esse óleo.

Mitos e Verdades

1- O óleo de argan funciona.
Verdade. O óleo é um ótimo nutriente, com ação hidratante e condicionante. É imprescindível para o tratamento dos fios.

2- O óleo de argan só pode ser aplicado após o uso do secador.
Mito. O óleo pode ser aplicado antes do uso do secador, visto que proporciona proteção térmica dos fios.

3- Pode ser utilizado todos os dias nos cabelos.
Verdade. Este é um produto rico em antioxidantes que protegem contra os radicais livres, reconstrói a barreira natural dos cabelos, é rico em vitaminas A, D e E, ajuda no fortalecimento dos fios, nutre e dá brilho.

4- O uso de óleos não é indicado para cabelos finos.
Mito. O óleo pode ser utilizado em todos os tipos de cabelos, porém nesse caso, pode-se usar outros indicados para cabelos finos, com princípios ativos a base de marula, pois é mais leve e não deixará o cabelo empastado.

5- Existe diferença entre o óleo de marula e o de argan.
Verdade. A finalidade é a mesma: dar brilho aos cabelos. Porém, o óleo de argan é indicado para cabelos grossos ou normais. Já o de marula é indicado para cabelos finos.

6- O óleo de argan dura mais que outros tipos de hidratação.
Verdade. A hidratação com o óleo de argan é muito poderosa, podendo durar em torno de 30 lavagens. Sua absorção é rápida e não deixa os fios gordurosos, sendo um ótimo aliado para tratamentos de hidratação dos fios. Ele deve ser utilizado da maneira correta para proporcionar maiores resultados na beleza dos fios.

O que vocês acharam?


2 comentários: